Grupo G Copa do Mundo Atualização 3

Última atualização em 2 de dezembro de 2022 17h52 por Erwin Noguera

Encontramo-nos com 2 europeus, 1 sul-americano e 1 africano em Grupo G do Campeonato do Mundo do Qatar 2022. O Brasil começará o seu sonho perante uma Sérvia perigosa, uma Suíça talentosa e um Camarões muito físico.

Atualizar

Brasil

No começo foi difícil para o Brasil, mas depois mostrou que é um dos principais candidatos ao título. Os 'Verdeamarelha' varreram a Sérvia do mapa e os venceram por 2 a 0 com um bis de Richarlison, o segundo com um belo chute de bicicleta, e iniciaram seu caminho para a sexta estrela. A equipe de Tite apresentou seus argumentos e mostrou que está em outro patamar, embora tenha perdido Neymar e Danilo pelo restante da fase de grupos devido às faltas recebidas. O jogador do PSG foi visto saindo com o tornozelo bastante inchado após receber 9 faltas. Agora eles vão jogar contra a Suíça, outro bom rival.

O Brasil se tornou o segundo time a se classificar para as oitavas de final após a vitória por 1 a 0 sobre a Suíça. Os sul-americanos passaram mal sem Neymar, que está lesionado, e só conseguiram marcar graças a um golaço de Casemiro aos 83 minutos. Os europeus, embora não complicassem tanto os brasileiros, os mantinham afastados e não lhes facilitavam. Agora com 6 pontos, eles vão tentar garantir o primeiro lugar no último jogo contra Camarões.

O Brasil aproveitou o fato de estar classificado e descansou a maioria de seus jogadores contra Camarões, embora não tenha sido um bom resultado, pois perdeu por 1 a 0 e perdeu a seqüência ininterrupta. No entanto, o time conseguiu manter o primeiro lugar e agora enfrentará a Coreia do Sul nas oitavas de final. A boa notícia para os sul-americanos é que Neymar está de volta contra os asiáticos.

Sérvia

A Sérvia teve que estrear contra o rival mais difícil e pouco pôde fazer. Apesar de ter uma grande vantagem, não conseguiu rematar à baliza e caracterizou-se sobretudo pelo seu jogo forte, tendo cometido 12 faltas e recebido 3 cartões amarelos. Agora os comandados de Dragan Stojkovic vão defrontar os Camarões com a obrigação de vencer para se manterem vivos neste Mundial, e seguramente vão mudar de esquema e jogar com dois protagonistas, provavelmente Mitrovic e Vlahovic.

A Sérvia estava conseguindo uma grande vitória que os deixou um pouco mais perto da classificação, mas deixou Camarões se recuperar e finalmente empatou em 3 a 3 em um péssimo resultado para ambos. Os sérvios começaram perdendo, mas nos acréscimos do primeiro tempo viraram o placar em poucos minutos com gols de Strahinja Pavlovic e Sergej Milinkovic-Savic. Então, no início do segundo tempo, Aleksandar Mitrovic fez 3 a 1 no placar e parecia que estava feito, mas alguns descuidos aos 63 e 66 minutos deram aos africanos 2 gols e os europeus não sabiam como reagir. Agora eles têm apenas 1 ponto e precisam vencer a Suíça e torcer para que Camarões não faça o mesmo contra o Brasil.

Uma das surpresas, mas pela sua eliminação, foi a Sérvia. Apesar de ter uma grande equipa, com artilheiros como Mitrovic, Vlajovich ou Jovic, a seleção sérvia foi eliminada ao perder esta sexta-feira frente à Suíça por 3-2. O calcanhar de Aquiles da equipa dos Balcãs foi a sua defesa, com 8 golos sofridos em 3 jogos, o que não só lhe custou a eliminação como terminou no último lugar do grupo com apenas 1 ponto. Algo a destacar também é que não souberam manter os resultados, pois frente aos Camarões estavam a vencer por 3-1 e empataram a 3-3, enquanto que frente à Suíça estavam 2-1 e perderam por 2-3.

Suíça

Um gol solitário de Breel Embolo deu à Suíça uma vitória por 1 a 0 sobre Camarões. Até Embolo se tornou o primeiro jogador na história da Copa do Mundo a marcar contra seu país de origem desde que nasceu em Camarões. Em relação ao futebol, foi um jogo bastante equilibrado, onde as duas equipes tiveram suas chances, mas os europeus marcaram primeiro e conseguiram somar 3 pontos importantíssimos já que o Brasil deve avançar primeiro e os demais vão brigar pelo segundo lugar. Agora contra o 'Verdeamarelha' empatar é um bom resultado, mas surpresas já foram vistas.

A Suíça tentou e esteve muito perto de o conseguir, mas acabou por perder por 1-0 para o Brasil, embora estivesse muito bem posicionada. Os europeus fizeram um jogo correto, pensando mais defensivamente do que ofensivamente, mas no final Casemiro desbloqueou o jogo. Agora, com 3 pontos, depende de si para avançar para as oitavas de final. Vale um empate contra a Sérvia para passar à próxima fase, e há 4 anos, também na fase de grupos da Rússia 2018, venceu por 2- 1 com gols de Granit Xhaka e Xherdan Shaqiri e comemorou com a polêmica águia da Albânia.

A Suíça conseguiu chegar às oitavas de final pela terceira Copa do Mundo consecutiva depois de derrotar a Sérvia por 3 a 2 em uma grande partida. Breel Embolo tem sido o maior goleador da equipe, com 2 gols marcados, sendo que apenas contra o Brasil não conseguiu marcar. Justamente contra a seleção sul-americana, apesar da derrota por 1 a 0, fizeram uma partida muito boa, controlando o rival e mostrando que vão lutar contra todos de igual para igual. Agora enfrentará Portugal em uma das boas partidas das oitavas de final.

Camarões

Camarões fez um bom jogo com a Suíça, mas perdeu por 1 a 0 com um gol de um filho camaronês, Breel Embolo. A equipa africana faltou eficácia já que rematou 5 vezes à baliza (mais que a suíça), mas não conseguiu vencer a resistência de Yann Sommer. A equipa de Rigobert Song sabe que tem as ferramentas e a força necessárias para lutar pelo segundo lugar, mas sabe que não pode haver mais contratempos ou será eliminada.

Vincent Aboubakar é o novo herói dos Camarões. O avançado entrou aos 55 minutos quando a sua Seleção perdia por 3-1, e aos 63 minutos fez o 3-2 com uma grande vaselina aos 66 minutos assistiu Choupo-Moting para o 3-3 final, que deu aos Camarões o seu primeiro ponto e a possibilidade de lutar pela classificação no último jogo, embora seja muito difícil já que terá de vencer o Brasil e torcer pelo empate entre Sérvia e Suíça. Os africanos alternaram bons momentos com maus momentos nesta segunda-feira, e os gols podem ser considerados de jogadas isoladas, já que o primeiro, de Jean-Charles Castelletto, foi após cobrança de escanteio, e os outros dois foram graças a dois muito longos. passa bem filtrado pela defesa sérvia.

Camarões se despediu do Catar 2022 com uma vitória sobre o Brasil graças a um gol no final de seu herói, Vincent Aboubakar. A seleção africana esteve muito perto de avançar para as oitavas de final, mas precisava do empate na partida entre Sérvia e Suíça. No final, eles estão satisfeitos com o que conseguiram. No entanto, fica a desilusão de poder ter um pouco mais nos jogos anteriores.

Classificados

O Brasil cumpriu a previsão e se classificou após dois jogos e também conquistou o primeiro lugar, enquanto a Suíça finalmente venceu a Sérvia para o segundo lugar na última partida e sonha em chegar às quartas de final depois de quase 70 anos. Camarões ficou logo atrás em terceiro lugar, enquanto a Sérvia foi a decepção ao ficar em último.

Grupo do Campeonato do Mundo G: Brasil

O grande candidato neste Campeonato do Mundo é o Brasil. Apesar de ter perdido a recente Copa América para a Argentina (1-0), a equipa de Tité tem uma lista de jogadores de luxo e está a jogar excelente futebol. Tão luxuoso que tiveram de deixar de fora Philippe Coutinho, Roberto Firmino e Gabigol. Os adeptos não se queixam, lamentam que não possam ir. 

Comandada por Neymar, a Canarinha tem também jogadores, na sua maioria jovens, que estão a um nível muito elevado, como Vinicius (Real Madrid), Gabriel Martinelli (Arsenal), Gabriel Jesús (Arsenal) ou Bruno Guimaraes (Newcastle). Do mesmo modo, a experiência de Thiago Silva (Chelsea), Marquinhos (Paris Saint Germain), Casemiro (Manchester United), Fabinho (Liverpool) e Dani Alves (Pumas) na ponta defensiva dará à equipa um grande equilíbrio. Precisamente essa derrota contra a Argentina foi a última sofrida pelo Verdeamarelha e a única nos últimos 29 jogos, onde alcançaram 24 vitórias. Grandes números para uma grande equipa, cujo último título mundial foi em 2002, e espera que em 2022 esta seca termine finalmente.

Guarda-redes: Alisson, Ederson, Weverton.

Defensores: Dani Alves, Danilo, Alex Sandro, Alex Telles, Bremer, Eder Militao, Marquinhos, Thiago Silva.

Midfielders: Bruno Guimaraes, Casemiro, Everton Ribeiro, Fabinho, Fred, Lucas Paqueta.

Atacantes: Antony, Gabriel Jesus, Gabriel Martinelli, Neymar, Pedro, Raphinha, Richarlison, Rodrygo, Vinicius Junior.

Grupo do Campeonato do Mundo G: Sérvia

A Sérvia pode de repente ser a equipa com maior poder ofensivo em todo o Campeonato do Mundo. Aleksandar Mitrovic (Fulham), Duhan Vlahovic (Juventus) e Luka Jovic (Fiorentina) são três grandes marcadores que têm o país dos Balcãs a sonhar. 

Para além destes atacantes, a equipa tem jogadores altamente talentosos, tais como Dusan Tadic (Ajax), Sergej Milinkovic-Savic (Lazio), Filip Kostic (Juventus) ou Marko Grujic (Porto), e um golo muito bem defendido com três grandes guarda-redes como Marko Dmitrovic (Sevilha), Predrag Rajkovic (Maiorca) e Vanja Milinkovic-Savic (Torino). Vêm de ganhar o seu grupo na Liga das Nações da UEFA, deixando a Noruega, Suécia e Eslovénia pelo caminho, e ascendendo à Liga A. 5 jogos invictos onde obtiveram 4 vitórias, para além de apenas 3 derrotas nos seus últimos 23 jogos falam por si. 

Uma vez que se chamam apenas Sérvia, foram aos Campeonatos do Mundo na África do Sul 2010 e Rússia 2018, e em ambos foram eliminados na primeira fase. Agora querem mudar a história.

Guarda-redes: Marko Dmitrovic, Predrag Rajkovic, Vanja Milinkovic-Savic

Defensores: Stefan Mitrovic, Nikola Milenkovic, Strahinja Pavlovic, Milos Veljkovic, Filip Mladenovic, Strahinja Erakovic, Srdjan Babic

Midfielders: Nemanja Gudelj, Sergej Milinkovic-Savic, Sasa Lukic, Marko Grujic, Filip Kostic, Uros Racic, Nemanja Maksimovic, Ivan Ilic, Andrija Zivkovic, Darko Lazovic

Para a frente: Dusan Tadic, Aleksandar Mitrovic, Dusan Vlahovic, Filip Djuricic, Luka Jovic, Nemanja Radonjic

Grupo do Campeonato do Mundo G: Suíça 

Os suíços atingem o seu quinto Campeonato do Mundo consecutivo, onde em três deles se classificaram para as oitavas de final, mas não conseguiram avançar mais, e sonham fazê-lo desta vez. Já surpreenderam ao vencerem Portugal (1-0), Espanha (1-2) e a República Checa (2-1) nos últimos três jogos da Liga das Nações da UEFA, mostrando que têm argumentos suficientes para lutar no Campeonato do Mundo. 

Na lista de chamada, a maior surpresa é que 4 guarda-redes foram chamados, embora se acredite que Yann Sommer irá continuar como titular. O jovem Fabian Rieder (Young Boys - 20 anos), que ainda não estreou na Selecção Nacional e que está a ser observado pelas melhores equipas da Europa, também foi chamado. 

Vários dos que estiveram na Rússia em 2018 repetem a chamada, e são eles os principais intervenientes, tais como Manuel Akanji (Manchester City), Breel Embolo (Mónaco), Denis Zakaria (Chelsea), Ricardo Rodríguez (Torino), Fabian Schar (Newcastle), Haris Seferovic (Galatasaray), Xherdan Shaqiri (Chicago Fire) ou Granit Xhaka (Arsenal), que se encontram a um nível elevado com os seus clubes. A eles juntam-se novos jogadores como Noah Okafor (Red Bull Salzburg) ou Eray Comert (Valencia), que estão a actuar muito bem e que certamente darão uma mãozinha.

Guarda-redes: Gregor Kobel, Yann Sommer, Jonas Omlin, Philipp Kohn

Defensores: Manuel Akanji, Eray Comert, Nico Elvedi, Fabian Schar, Silvan Widmer, Ricardo Rodriguez, Edimilson Fernandes

Midfielders: Michel Aebischer, Xherdan Shaqiri, Renato Steffen, Granit Xhaka, Denis Zakaria, Fabian Frei, Remo Freuler, Noah Okafor, Fabian Rieder, Ardon Jashari

Para a frente: Breel Embolo, Ruben Vargas, Djibril Sow, Haris Seferovic, Christian Fassnacht

Grupo do Campeonato do Mundo G: Camarões

Os Camarões regressam a um Campeonato do Mundo após a sua ausência na Rússia 2018 e serão o oitavo a jogar, conseguindo apenas na Itália 90 passar a fase de grupos, sendo eliminados nos quartos-de-final. Têm 7 derrotas consecutivas nos Campeonatos do Mundo, pelo que esperam desta vez pôr fim a essa série e avançar para a fase seguinte. 

Os 'Leões Indomáveis' têm uma equipa muito boa com grandes jogadores em todas as suas linhas. André Onana é o guarda-redes titular da Inter de Milão; os defesas Enzo Ebosse e Christopher Wooh estão a ter uma grande época na Udinese e Stade Rennais, respectivamente; o médio Frank Anguissa acaba de renovar o seu contrato com o Napoli; e o avançado Eric Choupo-Moting tem 10 golos e 3 assistências nos seus últimos 9 jogos pelo Bayern München. Além disso, a experiência de jogadores como Vincent Aboubakar (Al-Nassr) e Karl Toko Ekambi (Lyon) será muito importante. 

Para chegarem a este evento tiveram de vencer a Costa do Marfim no último jogo da fase de grupos, e fizeram-no por 1-0 com um golo do Toko, e depois na partida de desempate perderam por 0-1 para a Argélia na primeira mão e na segunda mão ganharam por 1-2 com um golo do próprio Toko Ekambi a 120+4 para se qualificarem graças ao número de golos marcados como visitante. 

Já o presidente da federação de futebol dos Camarões, o histórico Samuel Eto'o, disse que eles vão para o Qatar para serem campeões, e esse é o sonho.

Guarda-redes: Andre Onana, Devis Epassy, Simon Ngapandouetnbu

Defensores: Jean-Charles Castelletto, Enzo Ebosse, Collins Fai, Olivier Mbaizo, Nouhou Tolo, Nicolas Nkoulou, Christopher Wooh

Midfielders: Olivier Ntcham, Gael Ondoua, Martin Hongla, Pierre Kunde, Samuel Oum Gouet, Andre-Frank Zambo Anguissa, Jerome Ngom

Para a frente: Nicolas Ngamaleu, Christian Bassogog, Bryan Mbeumo, Georges-Kevin Nkoudou, Jean-Pierre Nsame, Vincent Aboubakar, Karl Toko-Ekambi, Eric Maxim Choupo-Moting, Souaibou Marou

Classificados

Não há dúvida de que o Brasil é o candidato ao título e, portanto, avançará para as oitavas de final. No entanto, a luta pelo segundo lugar é muito equilibrada, mas acreditamos que a Sérvia manterá esse lugar graças ao seu grande poder ofensivo.

  • Qui, 24 de Novembro Suíça vs. Camarões 5 da manhã.
  • Qui, 24 de Novembro Brasil vs. Sérvia 2 p.m.
  • Seg, 28 de Novembro Camarões vs. Sérvia 5 da manhã.
  • Seg, 28 de Novembro Brasil vs. Suíça 11 da manhã.
  • Sex, 2 de Dezembro Camarões vs. Brasil 2 p.m.
  • Sex, 2 de Dezembro Sérvia vs. Suíça 2 p.m.
anúncio Vinkmag

Leia o anterior

Marrocos x Espanha – Probabilidades de apostas e escolha grátis

Leia a seguir

Superthread perturbador da Copa do Mundo

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Mais popular